1
DVD Lab Pro

Saiba que este tutorial está muito, mas muito longe mesmo de esgotar os recursos que o programa tem.
No entanto, mesmo que você nada conheça a seu respeito, você será capaz de produzir DVDs com excelente qualidade. Se achar legal, aprofunde o seu conhecimento, pois vale a pena.


DVD LAB PRO

O DVD-lab PRO é um programa de autoração, cuja característica principal é a grande flexibilidade. É muito fácil para quem quer começar a fazer DVDs simples, e, na medida em que avance em conhecê-lo, poderá conseguir resultados cada vez mais profissionais.

Requisitos do sistema
O DVD-lab PRO funciona em ambientes Microsoft Windows 98/NT/2000/XP (recomendados o 2000 e o XP)
Será necessário pelo menos um disco com FAT32, no Windows 98, e é extremamente recomendável um com NTFS no 2000 e no XP.
São necessários pelo menos 256 Mb de RAM, no entanto é recomendável que tenha uns 500 MB de RAM para compilações mais complexas.
Vamos iniciar a autoria, cuja explicação dividiremos em vários capítulos:

1. Adicionar os elementos do filme:
• Adicionar vídeo e áudio;
• Adicionar capítulos;
• Adicionar subtítulos.

2. Confecção de Menus:
• Menu de títulos;
• Menu de filme;
• Menu de capítulos;
• Menu de seleção de áudios e legendas.

3. Conexões (links) entre os elementos.

4. Compilação.

1. Adicionar elementos do filme

Abra o DVD-Lab PRO e, se não aparecer a tela seguinte, pressione File -> New e selecione PAL ou NTSC (no nosso caso a melhor opção é NTSC) e a opção Advanced (VMG, VTS Menu + Movie) . Você também pode optar por Normal (VTS + Movie) caso queira construir um vídeo com apenas um filme.



Ao pressionar OK se abrirá a seção Movie 1. Se observarmos bem, podemos perceber três seções na janela do programa:

 

                                         

 
  

 

1. A árvore de projeto (Project). Na parte superior aparecem os botões para acrescentar novos elementos (Movie, Menu VGM, etc...).
2. A janela principal (Movie 1) onde estão os componentes do filme (Movie, Audio1,
Audio2, Sub1), e onde serão incluídos os elementos que iremos incluindo posteriormente ou que façamos a marcação com um duplo clique no mouse na seção Project.
3. A janela de recursos (Assets) com várias abas, Vídeo & Áudio, Backgrounds,
Objects,etc.

Adicionar vídeo e áudio

Vamos começar adicionando o vídeo e os áudios. Em Assets ativamos a aba Vídeo & Audio e escolhemos a ferramenta Import Files e na janela que se abre, poderemos selecionar os arquivos (que já devem estar no formato MPEG, já que o DVD-Lab Pro não efetua essa conversão).



Caso o filme não esteja demultiplexado, o programa realizará essa função.
Ele nos oferecerá a opção de demultiplexar áudio e vídeo (criando arquivos mpa + mpv), somente pressionando OK quando a janela nos for apresentada, e aguardando que ele termine o serviço. Assim que ele terminar, poderemos ver o vídeo e o áudio separados na seção “Assets”.

 


 

 

Selecionamos o vídeo e pressionamos o botão Insert to Project Window (você também pode usar a opção de arrastar e soltar, clicando com o botão esquerdo do mouse sobre o vídeo e arrastando-o até a área de vídeo na seção Movie 1.

 

 

Em seguida devemos fazer o mesmo com as trilhas de áudio (até 8, sendo aceitos os formatos AC3, MPA, LPCM e DTS).

 

 

Feito isso, podemos clicar nos botões de Audio1, Audio2, e escolher o idioma ao qual aquele áudio corresponde.

 

 

Adicionar capítulos

Existem várias maneiras de adicionar capítulos (Chapters) no DVD-Lab. A forma mais simples é arrastar a linha vertical vermelha sobre a pré-visualização e clicar com o mouse sobre o sinal de adição (+), arrastar novamente e selecionar outra vez sucessivamente até que você disponha de todos os capítulos desejados.

 

Adicionar legendas

O DVD-Lab suporta os seguintes formatos de legendas:*.srt,*.sub,*.ssa,*.son,*.sst.
Para adicioná-las, basta clicar sobre o botão Sub1, e se abrirá uma nova janela que permite carregar e editar a legendas.

 

 

Nela você deverá selecionar o idioma da legenda e logo após pressionar o botão (Import) para deixar o arquivo disponível, inclusive para edição. A ferramenta de edição é muito completa e permite escolher o framerate, variar a fonte, a cor, as margens, reescrevê-las, modificar os tempos, etc.
Quando houver terminado a edição, pressione o botão Generate subtitle stream e dê um nome para a legenda que será salva como *.sp1. Como no meu caso o filme não tinha legenda, usei a de Guerra dos Mundos e, o programa é tão esperto que me avisou que os tempos do filme e da legenda eram incompatíveis e se eu desejava que ele fizesse a sincronização a partir do filme.
Você pode observar que, após efetuados os passos acima, um novo botão de legendas aparece na tela. Isso permite que você adicione até 8 legendas diferentes, para o que bastará repetir os passos anteriores.



2. Confecção de Menus

Menu de títulos

Isto será feito através do menu VMG. Vamos abri-lo na janela principal com um duplo clique sobre VGM Menu 1 na seção Project.
Aqui pode ser colocado o que você quiser. Normalmente, se põe uma imagem para identificar o filme, e esta imagem pode ser a capa do DVD, uma foto, botões ou simplesmente um texto. No meu exemplo não usarei o menu VMG, já que basicamente ele serve para quando temos mais de uma filme no mesmo DVD, mas é importante que esta explicação o considere. Para inserir, use os mesmos procedimentos apresentados logo abaixo, na seção Menu do filme (VTS Root Menu), já que eles são idênticos, possuindo apenas funções diferentes.

Menu de filme (VTS Root Menu)

Vamos agora confeccionar o menu principal do filme, para tanto devemos ir na seção Project e pressionar o botão New Menu ou selecionar Menu 1 na pasta Menus. Isto fará com que apareça o campo pontilhado onde antes se via a seção Movie 1 (janela principal).

 

 

A partir da seção Assets e da aba Images, clique sobre o ícone Import Files, procure a imagem desejada e clique OK. O DVD-Lab apresentará uma caixa de diálogo perguntando se você deseja fazer uma cópia permanente do arquivo (deixá-lo disponível no DVD-Lab para futura utilização). Responda como achar melhor.

 

A partir daí, devemos arrastar a imagem para dentro da janela de menu e ajustá-la de maneira a que caiba dentro da linha pontilhada interior, para que não fique nenhuma parte oculta quando apresentada na TV.

 


Aqui também deverão ser adicionados os elementos de texto. A ferramenta de texto está na barra à esquerda da janela principal e é representada pelo ícone [Aa].
Podemos utilizar, por exemplo, os seguintes textos (cada item deve ser um novo texto): Ver o filme, Reiniciar, Áudios e legendas, Capítulos e Menu de títulos.

 

 

Na janela Propierties (à direita da janela principal) existem vários utilitários que permitem modificar a cor, o aspecto e a forma dos campos:
Color, trocar a cor, sombrear, efeitos de relevo e de transparência.
Link, para assinalar funções, com que outra(s) parte(s) ou elemento(s) isso deverá estar ligado.
Map, para definir as cores, quando o elemento estiver selecionado ou ativado.
Menu de Capítulos (Scences) Caso você tenha previamente criado capítulos, podemos fazer um menu que leve até cada um deles diretamente.
Na barra de ferramentas, abrimos o ícone de varinha mágica e selecionamos: 

 

Add Scene Selection menus, será aberta uma nova janela que nos mostra as palhetas de padrões disponíveis, verificamos que a origem é VTS1 e o menu a ser linkado é Menu 1, escolhemos o padrão desejado e confirmamos.

Serão criados os menus necessários para os capítulos previamente selecionados, totalmente linkados e com um fotograma dentro.

Se o fundo apresentado não lhe agradar, você poderá trocá-lo por qualquer imagem que esteja dentro da aba Backgrounds da seção Assets.

Menu de seleção de áudios e legendas

Vamos confeccionar um menu para poder selecionar nossos áudios e legendas.
Primeiro, vamos a seção Project e pressionamos o botão New Menu e aparecerá um novo menu em branco Menu 3.

 

No Menu 3 poremos os campos de seleção de áudio e de legendas, sendo que para este último podemos criar um novo menu independente, utilizando os mesmos meios que foram usados para criar o Menu 3.
Vamos incluir aqui os seguintes campos de texto:
Áudio: Português, Inglês, …
Legenda: Português, Inglês, Sem Legendas, …
Menu principal

 

 

3. Conexões (links) entre os elementos

Uma das coisas mais importantes é saber fazer as conexões entre os diferentes menus e elementos do filme. Iremos fazer os links nesta ordem:
1) Vamos em VMG Menu 1, onde temos as capas do DVD, selecionamos a que corresponde ao filme e abrimos em Propierties - Link, e no menu que se abre selecionamos VTS1 Root (Menu 1) .
2) Agora vamos em Menu 1 e, clicando com o botão direito sobre o texto, selecionamos:
• Ver o Filme e em Link, Movie1 - Chapter 1 (Movie Start) .

 

• Reiniciar e em Link, Resume Movie. Isto permitirá reiniciar o filme a partir do ponto em que se encontrava na última exibição.
• Capítulos e em Link, Scenes1 for Movie 1.
• Áudios e subtítulos e em Link, Menu 3.
• Menu de títulos e em Link, VMG Menu 1.

3) Vamos agora para o Menu 3, de seleção de áudios e legendas, e selecionamos:
• Áudio: Português, e em Link Set Audio - Audio Stream 1. Inglês, e em Link, Set
Audio - Stream Audio 2 (lembrem-se da ordem de idiomas-áudios na janela Movie 1).

 

• Legendas: Set Subtitle - Subtitle stream 1 para o Português, Subtitle stream 2 para Inglês ... e Subtitles Off para Sem Legendas.
Neste último link, tenha o cuidado de ativar a caixa Auto Action, já que se não o fizer, não conseguirá ocultar as legendas durante a exibição a não ser que retorne ao Menu de Títulos.
• Finalmente, criaremos o link do Menu de filme com o Menu 1.
Com isto já teremos o primeiro VTS (VTS1) totalmente acabado.
Para adicionar outro filme, criaremos outro VTS (VTS2) e repetiremos todo o processo desde o princípio.
Podemos adicionar tantos filmes e VTS quanto seja a capacidade de sua mídia de DVD. Se selecionar no menu View e depois disso DVD Topology, poderá verificar o quanto da capacidade da mídia já se encontra utilizada por seu filme.

 

4. Compilação

Quando houver terminado de fazer tudo o que deseja, pressione o botão Compile DVD na barra de ferramentas principal.

 

   

 

Se tudo estiver correto, se abrirá uma nova janela onde você escolherá a pasta em que quer salvar o seu DVD.
Confirme e a compilação será iniciada. Será aberta uma nova janela informando os passos que estão sendo dados para efetuá-la.

 

www.DragonBallBrasil.com.br 

 


 

Atualizado: 12/12/2007


Dragon Ball Brasil - Copyright 2003/2014. Todos os direitos reservados. (02/08/2003)